domingo, 28 de outubro de 2012

Não direi que será um recomeço!

É bastante tempo, mas, um dia teria de terminar o que comecei. Construi um blog e, por um bom tempo, estive em modo “pausa” e ainda não me sinto confortável, ou melhor, entusiasmada a continuar, mas hoje, por encorajamento do Henrique, farei mais uma postagem pois, faz tempo que estou em dívida com vocês que visitam meu blog. A cozinha já fez aniversário e eu ainda não mostrei ela a vocês.
Então para diminuir um pouco o meu débito, vou colocar fotos de mais uma etapa da saga.
Eu comprei os armários da Italínea, na cor branco e ciliégio.


Parabéns ao Fábio, pois tanto o pessoal da Italínea quanto da marmoraria elogiaram o 
fato de não precisar nenhum ajuste de esquadro, como a cozinha ficou em U o esquadro 
ficou perfeito nos dois armários de canto.





Torneira e aquecedor esperando para serem instalados.


Depois de um ano de uso posso dizer que a lixeira não é muito prática...



... mas o porta temperos foi totalmente aprovado por mim. 


A mesa era para ser móvel, mas depois das pedras, acho que trabalhou um pouco os armários e com isso a mesa ficou presa entre os balcões.


E, como nada é perfeito, vejam que ficou faltando um puxador para a porta do armário.


Bom, é isso por enquanto. Espero não demorar tanto tempo para a próxima postagem.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

A saga do ano

Bom dia!!!!

São tantas as coisas que me aconteceram neste ano, mas a saga da cozinha foi a mais terrível. Acreditem eu me mudei sem comprar a cozinha, e sem levar a antiga, pois sei que se levasse a antiga, a nova iria levar muito tempo para ser comprada, por experiência própria, o provisório vira permanente, então evitei o provisório.
É claro que se não tenho uma pia, preciso lavar a louça em algum lugar, e com isso o tanque de roupas virou pia da cozinha, essa fase foi triste, mas sacrifícios são necessários. O fogão (diga-se cooktop) ficou empoleirado em cima do único balcão da cozinha antiga. e muitas louças e potes e panelas, ficaram em caixas no quarto do Caio, ou melhor dizendo, quarto de jogos, é tudo que não é útil no momento joga-se lá dentro. Pobre do meu filho, o quarto dele está uma bagunça até hoje. Sim, ele não tem um quarto ainda.
Mas vamos ao que interessa, as fotos da cozinha. \o/
Mas vão ficar com água na boca, pois só vou postar, as fotos da primeira etapa da saga.



É, a primeira etapa foram as persianas, que eu mesma coloquei. Não foi fácil, pois eu nunca tinha pilotado uma furadeira, mas criei coragem, peguei o bicho e fiz funcionar, e para quem nunca tinha usado uma furadeira, até que ficou perfeito. O Henrique ficou enrolando para colocá-las, e como devem saber, eu sou uma pessoa extremamente prática. Peguei e fiz.

E olhem o que eu tive que fazer:

Cortei e furei cada um desses taquinhos de madeira para colocar atrás da persiana, pois se fosse direto na parede, ficaria pegando na parte de madeira da janela, e fiz tudo sozinha, cortei com serrote, lixei, e como eu não tinha uma broca fininha para madeira, pois se colocasse os parafusos direto o taquinho rachava, meu pai me ensinou a transformar um prego pequeno em broca, e assim o fiz, lixei a ponta de um prego, e furei os taquinhos para passar os parafusos que prendiam na parede.

Sei que ficaram um pouco decepcionados, mas quem sabe eu posto os balcões na próxima etapa?

Não esquecendo de pedir perdão a todos que sigo, mas como fiquei muitos meses sem net, é muita coisa para eu me atualizar no blog de vocês, por isso, vou visitando cada uma com calma, pois quero ler tintim por tintim, a história de vocês.